Apug, AsaUnirg e Sisemg cobram informações sobre alterações na Lei do GurupiPrev
asprato

11/05/2020 - 23:25

Apug, AsaUnirg e Sisemg cobram informações sobre alterações na Lei do GurupiPrev

As entidades representativas dos servidores da Unirg (Apug e AsaUnirg) e dos servidores municipais de Gurupi (Sisemg) protocolaram na manhã desta segunda-feira (11/05) ofício conjunto no GurupiPrev, endereçado ao procurador do órgão da previdência de Gurupi e também membro da comissão criada por ato do prefeito, para propor alterações da Lei do Regime Próprio da Previdência de Gurupi – GurupiPrev.

 

As entidades pedem que sejam entregues, cópias das atas das reuniões realizadas pela comissão, e os apontamentos das alterações da legislação previdenciária atual e a minuta da proposta discutida em reunião com os membros até a presente data.

 

Segundo o presidente da Apug-Ssind, professor Gilberto Correia da Silva, em 16 de março, foi protocolado o ofício 001/2020 junto a Secretaria Municipal de Administração, solicitando inclusão dos nomes indicados pela AsaUnirg, Apug e Sisemg.

 

“O problema é que ficamos mais de 50 dias aguardando a alteração do decreto de nomeação da referida comissão e só na semana passada, ao cobrarmos, tivemos o retorno da Betânia Maciel, secretária de administração, mas o estranho é que ao entrar em contato, por telefone, com Sylmar Brito, procurador do GurupiPrev e presidente da comissão, ele me informou que não tinha conhecimento da alteração da portaria com inclusão de novos nomes e que a minuta já estaria pronta. E que segundo o presidente da comissão, iria agora convocar a comissão para aprovar as alterações e encaminhar ao prefeito para enviar o projeto a Câmara de Vereadores para votação”, explicou o presidente da Apug.

 

A presidente do Sindicato dos Servidores Municipais de Gurupi – Sisemg alerta que até agora os novos membros não foram sequer convocados ou convidados para participar de nenhuma reunião, ainda que remota. “Com isso os servidores municipais de Gurupi e da Unirg ficaram sem participar do debate sobre as questões previdenciárias do município que serão alteradas e que irão impactar a todos os servidores”, alertou Lucileia Barbosa Nascimento.

 

O presidente da AsaUnirg, Leonardo Ribeiro ressalta que a presença dos servidores é imprescindível, “considerando que a própria secretária de administração entendeu a necessidade da presença das entidades, só que percebemos a falta de transparência neste assunto tão importante quanto delicado que afeta a vida de todos os servidores de Gurupi, que poderão ter muitas dificuldades quando chegar a aposentadoria. Então pedimos transparência e muito debate para que possamos esclarecer e informar nossas categorias de trabalhadores públicos”, destaca Ribeiro.

Por: Da Assessoria



Tags:



Voltar

ALE Covid-19

Copyright © 2012 - Todos os direitos reservados.

Agência Brilhus - Criação de Site